5 livros para ser mais produtivo

Para entender a motivação e a falta de produtividade, Sam Glucksberg, Psicólogo da Universidade de Princeton, realizou um experimento em 1962. Solicitando a dois grupos a mesma tarefa, mas com diferentes recompensas: o primeiro grupo ganharia uma recompensa em dinheiro conforme a sua agilidade, enquanto o segundo grupo foi dito apenas que completassem a tarefa o mais rápido possível. Com um resultado intrigante e nada intuitivo, o segundo grupo cumpriu a tarefa em um tempo 3,5 vezes menor que o primeiro. Mas por quê?

Dan Pink, analista de carreiras, batizou o resultado de "enigma da motivação", onde ele diz que os motivadores tradicionais, como dinheiro, podem ser muito menos eficazes do que aqueles motivadores intrínsecos do ser humano, como a autonomia, o domínio e o propósito. Com base nisso, você irá conferir uma lista com cinco livros que analisam a produtividade de um modo mais realista e mais próximo de como realmente funciona o trabalho.

1.O CÓDIGO DO TALETO, Daniel Coyle: Talento, é necessário nascer com ele? Qual o segredo? Este livro possibilita ao leitor descobrir os três elementos importantes que permitem o desenvolvimento de dons e a otimização de performance nos esportes, na literatura, na música, na matemática e nas demais áreas. Ao serem trabalhados juntos, os três elementos fazem o cérebro produzir mielina, uma substância neural que aumenta a velocidade e a precisão. Combinando análise com exemplos reais, o propósito da obra é fazer com que o leitor mude sua visão sobre o talento e se prepare para que seu maior potencial seja encontrado.

2.FLOW: THE PSYCHOLOGY OF OPTIMAL EXPERIENCE, Mihaly Csikszentmihalyi: As investigações do psicólogo fazem revelações sobre a "experiência ideal", definindo que o que torna uma experiência verdadeiramente gratificante é um estado de consciência chamado "Fluxo". Durante o "Fluxo", as pessoas experimentam um prazer profundo, criatividade, e um envolvimento pleno com a vida. O autor demonstra como esse estado positivo pode ser controlado e não simplesmente deixado ao acaso, e ensina que, ordenando a informação que entra em nossa consciência, podemos descobrir a verdadeira felicidade e melhorar muito a qualidade das nossas vidas.

3.PORQUE FAZEMOS O QUE FAZEMOS, Edward L. Deci e Richard Flaste: Neste livro Edward Deci, psicólogo social dos EUA, escreve juntamente com o ex-editor de ciência e saúde do New York Times Richard Flaste. Destacando em seu trabalho que recompensas e punições não fazem trabalhadores serem mais eficientes. Na verdade, o amortecimento de interesse e de compromisso, controle excessivo e dependência de recompensas e ameaças são o que impede as pessoas de chegarem ao seu desempenho máximo. Revelando que a maneira de obter eficiência é incentivando autonomia, assim aprendemos mais e tratamos melhor uns aos outros.

4.POR QUE ALGUMAS PESSOAS FAZEM SUCESSO E OUTRAS NÃO, Carol Dweck: Especialista em motivação e psicologia da personalidade, Carol Dweck descobriu em mais de 20 anos de pesquisa que todos têm um dos dois tipos de códigos mentais básicos: fixo ou construtivo. Se você tem o primeiro, acredita que seus talentos e habilidades estão gravados em pedra, isto é, ou você os tem ou não. Você precisa provar a si mesmo o tempo todo, tentando parecer esperto e talentoso a todo custo. Este caminho é o da estagnação. No entanto, se você tem um código mental construtivo, sabe que seus talentos podem ser desenvolvidos e que grandes habilidades são construídas com o tempo. Este é o caminho da oportunidade e do sucesso. Dweck revela como gênios criativos de todos os campos, música, literatura, ciência, esportes e negócios aplicam o crescimento do código mental para atingir seus resultados. E, ainda mais importante, ela nos ensina como podemos mudar nosso código mental em qualquer estágio da vida para atingir sucesso e satisfação.

5.A GUERRA DA ARTE, Steven Pressfield: Um livro sobre o talento que você sabe que tem e quer dividir com a humanidade. Escrever um livro, começar uma obra social ou um negócio… mas o primeiro passo parece sempre impossível. Entre você e seu objetivo, existe uma montanha de obstáculos. E mesmo que, na maior parte das vezes, eles sejam imaginários, parecem, aqui e agora, intransponíveis. Da mesma forma que não vale de nada todo o esforço do mundo sem algum talento e um pouco de sorte, talento e sorte não bastam para quem não se esforça. E uma das maiores lições de Steven Pressfield aos seus leitores inseguros é: Se você às vezes se pega perguntando a você mesmo (e aos seus amigos) "Será que eu sou mesmo um escritor? Será que eu realmente sou um artista?", há grandes chances de você ser. O inovador impostor é autoconfiante demais. O verdadeiro, por sua vez, teme a morte.

A falta de produtividade pode ser influenciada pelo nosso estado de espirito, rotina, acontecimentos do dia-a-dia, desorganização, excesso de tarefas, entre outras coisas. Então não deixe de aproveitar esta lista e ler pelo menos um destes livros e começar a deixar de lado a falta de produtividade.

Outras Notícias

3 Dicas para melhor o sinal do Wi-fi